British Council abre inscrições para programa de capacitação relacionado com Olimpíadas

Oportunidade de ouro para participar de eventos relacionados com o legado cultural das Olimpíadas! O British Council está com inscrições abertas para o programa de capacitação gratuito Backstage to the Future, que acontecerá durante o período dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. A iniciativa é realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e promove atividades teóricas, práticas e colaborativas sobre produção de eventos, sonorização, iluminação e gestão de palco a 20 profissionais brasileiros em início de carreira.

Quem estiver interessado, pode se inscrever pelo formulário online até dia 30 de junho, às 13 horas, individualmente (inscrição feita por pessoa física) ou em grupos de até quatro profissionais de uma mesma instituição (inscrição feita por pessoa jurídica). O resultado da seleção sai por e-mail no dia 7 de julho.

Para participar, os candidatos precisam ter entre 18 a 30 anos, morar no Rio de Janeiro e ter entre um a três anos de experiência, seja como estudante ou profissional em das áreas de produção cultural, montagem de espetáculos, iluminação, sonorização e marketing digital. É preciso ainda ter participado da produção técnica de no mínimo um espetáculo e/ou festival, amador ou profissional. Já a candidatura em grupo deve ser feita por pessoa jurídica e a organização deve indicar entre dois a quatro participantes. Eles têm de fazer parte da instituição a pelo menos um ano e atender a todos os requisitos da inscrição individual.

A proposta do programa Backstage to the Future é desenvolver as oportunidades de trabalhos dos participantes e a chance deles de colaborar com a montagem de eventos relacionados ao legado dos Jogos de Londres 2012. O treinamento terá professores especialistas da produtora britânica Walk the Plank. Debates sobre acessibilidade, comunicação, solução de problemas em produções de baixo orçamento, divulgação de evento, trabalho do freelancer e aulas de inglês de vocabulário técnico da área estão na programação do curso.

Em setembro, no fim do projeto, os participantes poderão colocar em prática o que aprenderam em dois espetáculos britânicos. Um deles é “Miann”, da Scottish Dance Theatre, principal companhia de dança contemporânea da Escócia, que acontecerá no Teatro Carlos Gomes. O outro é “Graeae”, um celebrado grupo britânico que trabalha a acessibilidade na arte.

Para mais informações, acesse o site do British Council.

Deixe uma resposta