Modernismo e Literatura – a prosa do povo ganha seu espaço

A aula do professor Fred Coelho falará sobre a prosa modernista que se estabeleceu no Brasil a partir do movimento de 1922. Com várias inovações na forma literária do romance, será destacada nos autores e livros abordados a incorporação permanente por parte dos romancistas de um vocabulário popular das ruas e campos do Brasil.

Com exemplos de prosas inovadoras em sua simplicidade formal, sua coloquialidade e sua recusa de continuar seguindo preceitos acadêmicos descolados do dia a dia da fala brasileira de então, a aula relacionará os textos dos modernistas com outros textos e temas não-literários que circularam ao redor do período. Oswald de Andrade, Mário de Andrade, Antonio Alcantara Machado e outros prosadores da época dialogarão com a música popular, as novas técnicas de informações e entretenimento e os hábitos que a modernidade brasileira afirmava na literatura e na vida da população.

4 comentários sobre “Modernismo e Literatura – a prosa do povo ganha seu espaço”

Deixe uma resposta