Pré-aula MAR 12: Literatura e a cidade do Rio de Janeiro – Sandra Portugal

E2

Quando você fala da cidade, que imagens você projeta? De onde vêm essas imagens?

Movidos por diversos sentimentos e propósitos, os artistas da palavra falaram sobre a cidade. Ao fazê-lo, assumiram diferentes atitudes. Louvaram seus encantos e exibiram suas mazelas. Contaram suas histórias e pintaram suas paisagens. Retrataram seus tipos e seus costumes. Observaram-na como centro e periferia. Em seu fazer literário, adotaram diferentes gêneros – romance, conto, crônica, poema.

Esses autores buscaram entender a cidade, tentando conhecer seus caminhos. Seus modos de vê-la e dizê-la estão relacionados com os seus lugares de pensar e falar.

No primeiro encontro, Sandra e José Henrique querem discutir com você de que maneira a cidade se apresenta nos textos desses autores – o que projetam nela e para ela, de onde falam e a quem se dirigem.

E você, quando fala da cidade, de que lugar está falando?

 

Seguem algumas sugestões de leituras para o nosso encontro.

Para começar a pensar sobre o assunto:

http://www.forumrio.uerj.br/documentos/revista_20-21/Cap-3-Fatima_Rocha.pdf

 

Para mergulhar no assunto:

CALVINO, Ítalo. As cidades invisíveis. Trad. Diogo Mainardi. SP: Cia. das Letras, 1990.

GOMES, Renato Cordeiro. Todas as cidades, a cidade: literatura e experiência urbana. RJ: Rocco, 1994.

1 comentário sobre “Pré-aula MAR 12: Literatura e a cidade do Rio de Janeiro – Sandra Portugal”

Deixe uma resposta