Troca de saberes

Primeira Oficina da UQ e muita conversa na aula desta terça-feira!

No encontro desta última 3a-feira, 5 de abril, a Universidade das Quebradas teve o prazer de realizar a primeira Oficina de 2011, comandada por Eliana Silva, diretora da Divisão de Integração Universidade Comunidade (DIUC) e coordenadora-geral da Organização Não-Governamental Redes de Desenvolvimento da Maré – Redes da Maré, Beá Meira, orientadora pedagógica da Universidade das Quebradas, e Numa Ciro, coordenadora adjunta da UQ.

Na aula, Eliana ensinou aos Quebradeiros alguns truques e dicas sobre como elaborar um bom projeto. Inicialmente, a oficineira mostrou a necessidade de se definir os pontos-chave do projeto, como problemas, ideias e soluções, ações concretas, pessoas e mobilização de recursos. Após esse momento fundamental de organizar as ideias fervilhantes que inundam a cabeça de todo bom agitador cultural, é preciso mergulhar no universo que existe ao redor do projeto – e deixar o projeto mergulhar em você! “Você nunca mais será o mesmo depois da elaboração de um projeto de trabalho”, disse Eliana.

No final da tarde, Beá e Numa assumiram o microfone para trazer pontos de reflexão sobre a estrutura do curso e a apresentação dos Territórios das Quebradas, que começam na próxima terça-feira, dia 12 de abril. A discussão foi recebida com grande entusiasmo pelos Quebradeiros que, como sempre, interagiram bastante e enriqueceram o debate. A discussão entre prática e teoria ocupou um ponto central na conversa, mostrando a importância dos dois lados para a formação dos saberes e troca de experiências na vida acadêmica.

Deixe uma resposta